Como impulsionar as redes sociais de seu negócio

Como impulsionar as redes sociais de seu negócio

Hoje em dia é muito mais fácil nos conectarmos com qualquer pessoa do que antes, e a distância entre o pequeno negócio e a grande indústria nunca foi tão pequena em questões virtuais.

Uma pessoa comum pode chegar a ter cinco contas em diversas redes sociais, e gasta mais ou menos uma hora e quarenta minutos navegando nelas todos os dias.

Então, não é surpresa que as empresas estão dedicando grandes recursos para adquirir e manter uma boa presença nas redes. Mas há uma pequena diferença entre estar bem conectado com seus clientes e ser inconveniente e encher seus cliente de postagens e mensagens. Vamos às dicas?

 

Facebook

Uma pesquisa recente de uma empresa de inteligência de mercado, a Inside View, diz que 90% das empresas B2B (business to business) que utilizam as redes sociais, confiam no Facebook para encontrar mais potenciais clientes. Já no caso das empresas que conversam diretamente com seu consumidor final, uma página no Facebook bem administrada é uma grande oportunidade para divulgar sua empresa e interagir com seus atuais e futuros clientes. Mas lembre-se que interagir não é apenas fazer um update no seu status. Use o Facebook como um canal de comunicação com seus clientes. O que é bom do facebook é que não há limites de caracteres, então você pode interagir bastante com quem visitar a sua página!

Dicas importantes:

  • Use as funções analíticas para descobrir quando as pessoas estão online e interaja/agende seus posts de acordo com esses horários;
  • Não se esqueça que o que você postar, todos verão. Antes de postar, pergunte-se se você realmente gostaria que todos os seus atuais e futuros clientes leiam o que você escreveu.

Twitter

Como quase tudo nessa vida, conexões bem sucedidas nas redes sociais vêm com muito esforço. “A chave para as redes sociais é entender muito bem a sua marca, no que você acredita, o que é importante para você. É isso que te faz uma pessoa eficaz e autêntica,”diz Dom Dwight, da Taylors of Harrogate.

“O importante é conhecer seu público – do que eles gostam? O que eles esperam de você? A nossa marca é a mais falada de nosso ramo, em cima de nossa concorrência porque nós temos um princípio que sempre seguimos, e eu acredito que isso contribuiu muito com a nossa marca.”

Dicas importantes:

  • Não encha seus clientes de postagens
  • Antes de postar ou responder qualquer coisa, entenda se o que você escreve está dando valor e personalidade à sua marca
  • Evite fazer comunicações automáticas via mensagem direta

LinkedIn

O LinkedIn tem 396 milhões de membros e, de acordo com a rede, um em cada três profissionais no mundo é um membro. Ou seja, o público potencial é enorme! Apesar da aparência dessa rede social não ser tão atraente, ela pode ser uma ótima ferramenta para encontrar outros profissionais de sua área e acessar grupos de discussão específicos.

Ao ser utilizado corretamente, ele pode ser uma ótima plataforma para monitorar o tráfego e de produzir conteúdo. O LinkedIn monitora as pessoas que mais geram discussões nos grupos semanalmente, descrevendo-os como “influenciadores principais” e colocando seus nomes e foto de perfil no topo do grupo. Os algoritmos do LinkedIn recomendam posts de outros profissionais que estão interessados nos mesmos assuntos que você, permitindo que você aumente o número de seguidores e competir com seu conteúdo com empresas grandes.

Dicas importantes:

  • Evite usar imagens prontas e personalize suas próprias mensagens
  • Não poste a mesma coisa que você posta em outras redes no LinkedIn. Direcione seus posts de acordo com o público
  • Não peça patrocínio de pessoas que você não conhece.

 

Quero Aceitar cartões

[Total: 11    Média: 2.9/5]

Confira mais posts

Deixar uma Resposta